Seus investimentos

Tesouro Direto: aplicações poderão ser resgatadas no mesmo dia 

Prazo do Tesouro Direto foi antecipado para trazer mais agilidade e eficiência a esses títulos; pedidos devem ser feitos até as 13h

Quem investe no Tesouro Direto agora pode resgatar sua aplicação no mesmo dia da solicitação. A mudança, que começou a valer em 13 de setembro, vale para os pedidos feitos até as 13h de cada dia.    

Mas afinal, o que muda? Até então, os resgates ocorriam no dia útil seguinte à solicitação. Segundo o comunicado da Bolsa de Valores (B3), o objetivo é trazer mais agilidade e eficiência a esses títulos.   

O que é o Tesouro Direto   

O Tesouro Direto é um tipo de título público que serve para o estado brasileiro conseguir dinheiro além do que é arrecadado com impostos, por exemplo. Na prática, você empresta dinheiro para o governo e recebe os juros acumulados no período em que esse valor estiver investido.  

A venda de títulos públicos através desse programa começou em 2002, com o objetivo de democratizar o acesso aos títulos públicos – por isso, há títulos a partir de R$ 30. Atualmente, ele já tem mais de mais de 1,6 milhão de investidores.  

Como funcionam os títulos do Tesouro 

Os títulos são vendidos para pessoas físicas de forma 100% online, no site do Tesouro Direto. São vários tipos, que podem ser de curto, médio ou longo prazo.  

Eles também têm diferentes tipos de rentabilidade (prefixada, ligada à variação da inflação ou à variação da Taxa Selic) e prazos de vencimento. Além disso, oferecem liquidez diária, e são uma das aplicações de menor risco de crédito do mercado.  

Tesouro Direto x Poupança  

Com o novo prazo de resgate, o Tesouro Direto torna-se uma opção ainda mais atrativa em comparação com a poupança, ainda popular entre os brasileiros. Isso porque, além de ser uma aplicação acessível, ele rende mais do que a caderneta.   

Por ser um título seguro e ter liquidez diária, também é uma boa opção para quem quer começar uma reserva de emergência. A gente já explicou como fazer isso aqui no blog. Para acessar, é só clicar neste link.   

%d blogueiros gostam disto: