leão de pelúcia
Home Suas finanças

Imposto de Renda 2022: chegou a hora de encarar o leão!

Não deixe para fazer sua declaração de IR para a última hora.

Todo ano é a mesma coisa: precisamos fazer a declaração do Imposto de Renda.

Por isso, Daiane Dallagnol, Supervisora Fiscal do Agi, preparou algumas dicas que irão facilitar a entrega da sua declaração de IR e um passo a passo de como fazer para receber sua restituição via Pix no Agi!

Dica 1: Verifique se você está na lista de pessoas que são obrigadas a fazer a declaração. Confira a lista abaixo:

  • Recebeu rendimentos tributáveis de mais de R$ 28.559,70 em 2021, o que inclui salário, aposentadoria e pensão, por exemplo.
  • Ganhou rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte acima de R$ 40 mil.
  • Teve movimentações na Bolsa de Valores.
  • Passou a morar no Brasil em 2021 e estava no País em 31 de dezembro.
  • Teve lucro com a venda de bens e direitos no ano, como casa, por exemplo.
  • Vendeu um imóvel e comprou outro num prazo de 180 dias usando a isenção de IR no momento da venda.
  • Tinha bens e direitos que somavam mais de R$ 300 mil, em 31 de dezembro de 2021.
  • Recebeu mais de R$ 142.798,50 em atividade rural (agricultura, por exemplo) ou tem prejuízo rural a ser compensado no ano-calendário de 2021 ou nos próximos anos.

Dica 2: Saiba onde realizar a declaração.

Existem três caminhos de realizar o preenchimento da declaração de Imposto de Renda, todas de forma online:

  • Diretamente no site do e-CAC.
  • Por meio do aplicativo para celular ou tablet (Meu Imposto de Renda).
  • Por meio de programa instalado diretamente no seu computador pessoal (Programa IRPF).

Dica 3: Confira os principais documentos que você precisa ter em mãos pra agilizar a declaração.

Dados pessoais:

  • Nome, CPF e data de nascimento do titular e dependentes.
  • Cópia da última declaração de IR entregue.
  • Conta bancária para restituição ou débitos.

Informe de rendimentos:

  • Receitas de instituições financeiras, como bancos e corretoras de investimentos

Dica: para baixar seu informe como cliente do Agi acesse agi.com.br e acesse sua conta. Depois clique em Informe de rendimentos e selecione 2021.

  • Receitas de salários, pró-labore, participação nos lucros, aposentadoria ou pensão.
  • Renda, como salário, pensão, doações ou herança.

Informe de pagamentos efetuados:

  • Gastos médicos.
  • Despesas odontológicas.
  • Plano de saúde.
  • Despesas com educação.
  • Doações.

Informe de dívidas:

  • Data de aquisição do imóvel, área, IPTU, número da matrícula e nome do cartório onde o imóvel está inscrito.
  • Renavam e registro no órgão regulador de veículos.

Dica 4: Como fazer o preenchimento da declaração?

Separe todas as informações necessárias e documentos antes de ir preencher a declaração.

Priorize as informações e documentos que tenham um impacto direto sobre a apuração do imposto devido.

Para facilitar o preenchimento, utilize os mesmos campos informados nos respectivos informes de rendimento que você recebeu da empresa e demais instituições que possuem investimentos e dívidas (empréstimos imobiliários, financiamento de veículo, etc).

Não se esqueça de incluir as despesas dedutíveis como, por exemplo, despesas médicas, com educação e previdência privada.

Dica 5: Conheça os tipos de declaração.

Existem dois tipos de declaração e é quem declara pode escolher a que preferir:

  • Declaração Simples: onde é realizado um desconto padrão de 20% sobre a renda tributável e são considerados apenas os rendimentos que recebeu no ano base.
  • Declaração Completa: que leva em consideração todos os gastos que podem ser utilizados para abatidos da sua base de cálculo do imposto de renda.

Dica 6: Receba sua restituição via Pix no Agi.

Ao fazer a declaração, no campo Informações Bancárias, selecione o Tipo de Conta 4 – Pix e pronto!

Importante: o crédito ocorrerá no banco que você tem seu CPF cadastrado como chave Pix.

Como sei se meu CPF está cadastrado como chave Pix no Agi?

Leão de pelúcia

Dicas bônus!

  • Se tiver imposto a restituir, quanto antes declarar, mais cedo você vai receber, pois a Receita Federal utiliza a data recebimento da declaração como um dos critérios.
  • Mesmo que não tenha tido obrigação de declarar nos 5 anos anteriores, você pode fazer a declaração retroativa desse tempo e restituir o valor retido. Nesse caso, você não terá a incidência de multa por atraso já que não estava obrigada/o a declarar.

Agora que você já sabe, não esquece de declarar se for necessário.

A campanha do IR 2022 começou em 7 de março e vai até as 23h59 de 31 de maio. Quem é obrigado a declarar e perde o prazo paga multa.

Você também pode se interessar por:

Conta remunerada paga Imposto de Renda?

%d blogueiros gostam disto: